Visite também: UnderLinux ·  VivaOLinux ·  Dicas-L ·  NoticiasLinux ·  SoftwareLivre.org ·  [mais] ·  Currículo ·  Efetividade

Rússia oferece recompensa de quase R$ 250.000 para quem descobrir como acabar com o anonimato no Tor

Tags: desconfianca

Via tecnologia.terra.com.br:

Rússia está oferecendo uma recompensa de 3,9 milhões de rublos (o equivalente a R$ 242 mil) para quem descobrir uma forma de identificar os usuários da rede online Tor.

Esta rede, gratuita, permite que uma pessoa se conecte anonimamente à internet, sem revelar sua identidade ou localização, ao redirecionar a conexão por uma série de computadores e aplicar criptografia às mensagens trocadas por meio dela.

A Tor é usada diariamente por 500 mil pessoas, em média. A maioria está nos Estados Unidos e no Brasil, que tornou-se, em mea­dos de 2013, o segundo país que mais a usa.

Segundo o jornal The Guardian, a Rússia é o quinto país em números de usuários, com mais 210 mil.

Os participantes do concurso promovido pelo governo russo devem ser cidadãos russos e enviar suas propostas até 13 de agosto.

Compartilhe: [Twitter] [Facebook] [Comentar]

Rede anônima Tor teve sistema de privacidade comprometido

Tags: desconfianca

Segundo os mantenedores do Tor, quem operou ou usou o serviço entre fevereiro e o início de julho deve se considerar identificado pelos autores do ataque.

Via g1.globo.com:

A equipe responsável pelo desenvolvimento do Projeto Tor informou nesta quarta-feira (30) ter sido alvo de um ataque que comprometeu a capacidade de a rede manter as identidades de seus usuários. O Tor é um tecnologia que esconde a origem de uma acesso a um site na internet.

Em 4 de julho, a equipe do Projeto Tor identificou que alguns “relays” (os computadores são integrados ao sistema voluntariamente) executavam um ataque de confirmação de tráfego. Essas máquinas foram integradas à rede em 30 de janeiro e só foram removidas na data em que o golpe foi descoberto.

“Enquanto nós não sabemos quando eles começaram a fazer o ataque, os usuários que operaram ou acessaram os serviços escondidos entre o começo de fevereiro até 4 de julho devem considerar que foram afetados”, informou a empresa.

Segundo a equipe, o ataque envolveu a modificação de um protocolo Tor para tentar confirmar o tráfego movimentado pela rede e, a partir daí, identificar seus usuários. Um ataque como esse já era vislumbrado pela equipe ainda em 2009.

Uma palestra na Black Hat 2014, uma conferência hacker, foi cancelada porque trataria do assunto. A equipe do Projeto Tor afirmou que tentou contatar os pesquisadores da Universidade Carnegie Mellon responsáveis pela palestra e não foram respondidos.

Compartilhe: [Twitter] [Facebook] [Comentar]

Governo russo quer ter acesso ao código-fonte da Apple e da SAP

Tags: mercado

Não é colocar o código sob uma licença open source, mas "apenas" disponibilizá-lo para inspeção pelo governo. A medida não é inédita por lá: a Microsoft já cede esse tipo de acesso aos fontes do Windows e outros produtos ao governo russo há mais de 10 anos.

Via g1.globo.com:

A Rússia propôs que a norte-americana Apple e a alemã SAP deem para o governo acesso aos seus códigos-fonte para assegurar que seus produtos não são ferramentas para espionagem contra instituições.

A sugestão de que duas das principais companhias de tecnologia do mundo revelem alguns de seus mais sensíveis segredos empresariais é feita em um momento sensível. Estados Unidos e União Europeia aprovaram sanções mais severas contra a Rússia por seu papel na Ucrânia.

(...) O ministério disse que a proposta visa assegurar os direitos de consumidores e usuários empresariais à privacidade de seus dados pessoais, como também por questões de segurança do Estado. Embora cercada pela linguagem de proteção à privacidade, qualquer medida russa para forçar estas companhias a divulgar o funcionamento interno de seus softwares pode representar uma grande ameaça à viabilidade desses programas caso percam o controle do código-fonte.

Compartilhe: [Twitter] [Facebook] [Comentar]

Trilha Software Livre na TDC 2014 - São Paulo

Tags: apache, evento, desenvolvedores, comunidade

Enviado por Christiano aKa Linuxmen (pchristianoΘgmail·com):

“A edição 2014 da The Developer's Conference (TDC2014) acontece em São Paulo pelo sétimo ano consecutivo. Diversas "trilhas" traçam destinos de muito conteúdo e conhecimento para desenvolvedores de software, de 5 a 9 de agosto, na Universidade Anhembi Morumbi. A Trilha Software Livre traz uma série de palestras para troca de experiências e tem como tema "Software Livre é a Forma Natural de Desenvolver Software em um Ambiente de Rede. E Você, Vai Ficar de Fora?".

Na programação da quarta-feira (dia 6), às 10h10, destaque para a palestra internacional com o escritor e engenheiro de software, Joel Spolsky, "What do Programmers care about", que acontece no Stadium. Em sua fala, "com o que os programadores 'top' realmente se preocupam quando procuram por um emprego". Na sequencia, a desenvolvedora Hanneli Carolina Tavante fala sobre "Software Livre – Guia de sobrevivência".

No período da tarde, muito JavaLivre, PHP e assuntos como .Net e o Open Source serão apresentados na Trilha Software Livre. De 14h10 às 15 horas, o bacharel em Ciência da Computação, Vinícius Souza, conversa com os desenvolvedores sobre "Microsoft e Open Source – Por que e como contribuir?". Depois, de 15h40 às 16h30, "O papel do Código Aberto na Internet das Coisas" e o novo mundo de possibilidades tecnológicas é debatido por Jomar Silva, engenheiro eletrônico especialista em padrões abertos e Open Source. Também tem o debate "Software Livre e a Computação em Nuvem", com Bruno Souza (JavaMan) e o 'artesão' e consultor, Edson Yanaga.

Mais debates e discussão com os palestrantes acontecem de 16h40 às 17h30, com o engenheiro de software sênior da Red Hat, Rafael Benevides. Ao final do dia, palestra sobre o projeto Lucene/Sorl e o por quê do projeto Apache DeltaSpike estar bastante falado ultimamente.

Na coordenação da Trilha Software Livre, o presidente do SouJava, Bruno Souza; e os desenvolvedores Priscila Mayumi Sato e Otávio Gonçalves de Santana. "Com tantas facetas do Software Livre, essa trilha irá focar no desenvolvedor de software. Como e por que se envolver com software livre, exemplos de projetos e histórias de brasileiros que participam de projetos reais e as principais questões práticas do dia a dia do desenvolvedor livre", explicam eles.

Serviço: The Developer's Conference (TDC2014) – Edição São Paulo 2014 05 a 09 de Agosto, de 8 às 19 horas Universidade Anhembi Morumbi, Rua Casa do Ator, 275 – Vila Olímpia. Mais Informações: [thedevelopersconference.com.br/…]

—” [referência: thedevelopersconference.com.br]

Compartilhe: [Twitter] [Facebook] [Comentar]

O comando yield do PHP 5.5

Tags: desenvolvedores

Enviado por Angelito M. Goulart (angelitoΘbsd·com·br):

“No PHP 5.5, com a introdução dos geradores, um novo comando foi adicionado a linguagem. Este comando é o yield.

A palavra-chave yield, já é conhecida em outras linguagens, como Python, por exemplo. Na verdade, o comando yield é bastante parecido com o comando return, com a diferença que usando yield, a função continua em execução, ou seja, o valor será retornado e a função continuará executando o restante do código.” [referência: angelitomg.com]

Compartilhe: [Twitter] [Facebook] [Comentar]

Melhore a integração do Mozilla Firefox no Gnome usando o GNOME Theme Tweak

Tags: instalar

Enviado por Edivaldo Brito (edivaldobezerraΘgmail·com):

“Se você quer deixar o Firefox mais ambientado no Gnome, instale o GNOME Theme Tweak e melhore a integração do Mozilla Firefox no Gnome.

A fundação Mozilla anunciou recentemente que em breve serão introduzidas melhorias para aumentar a integração do Firefox no KDE. O Firefox, por outro lado é bem integrado com os ambientes de desktop como o Gnome Shell ou Unity, e também pode se integrar com as notificações do sistema, graças ao complemento GNotifier. Além disso, existem também várias extensões para melhorar o suporte no Gnome Shell. Por exemplo, é possível melhorar a integração do Mozilla Firefox no Gnome Shell graças ao complemento GNOME Theme Tweak, que irá corrigir alguns detalhes do tema padrão, para deixá-lo mais ambientado.” [referência: edivaldobrito.com.br]

Compartilhe: [Twitter] [Facebook] [Comentar]

Escalabilidade de apps complexas em Node.js com Redis

Tags:

Enviado por Cleuton Sampaio (Cleuton·sampaioΘgmail·com):

“Todos falam que Node.js é para aplicações I/O bound, e que não escala bem quando temos operações complexas, de uso intensivo de CPU, ou que esperam recursos demorados. Bem, veja essa demonstração com o Node.js e o Redis, usando Webworker.” [referência: obomprogramador.com]
Compartilhe: [Twitter] [Facebook] [Comentar]

Lançada Carreira VPN no Sys Squad

Tags: office, evento, curso

Enviado por Jackson Laskoski (jacksonlaskoskiΘgmail·com):

“Todo sys admin que já precisou implementar e suportar uma solução VPN (Virtual Private Network), independentemente dos protocolos, sistemas operacionais, hardwares ou algoritmos de criptografia utilizados, já percebeu que os cenários podem se tornar bastante complexos com o passar do tempo e em estruturas híbridas ou maiores. Com o advento da utilização cada vez mais massiva de clouds públicas e privadas a necessidade de se interligar sítios, gadgets, home-offices e até mesmo datacenters, de maneira segura e com alta-disponibilidade, é cada vez mais latente.

É exatamente focada neste tipo de necessidade e cenários modernos que a Carreia VPN foi projetada no Sys Squad. Conduzida por um dos profissionais mais renomados do mercado, o amigo Heitor Lessa - Atualmente Engenheiro de Suporte e Desenvolvimento na empresa líder mundial em cloud computing, na Irlanda - A carreira é dividia em 6 cursos, que vão do básico ao troubleshooting avançado de implementações VPN com IPSec e SSL. Na parte prática da carreira, vários sistemas como Linux, Windows, pfSense e até mesmo roteadores Cisco (virtualizados) são utilizados para demonstrar modelos de implantação.

Em cada curso você encontrará aulas gratuitas e poderá adquirir o curso todo (com desconto) ou lições específicas - de modo a montar seu próprio ementário. Você já pode assistir a Aula Introdutória à Carreia VPN e nas próximas semanas veremos publicadas as demais aulas do primeiro treinamento desta trilha: o Curso VPN IPSec.” [referência: sys-squad.tumblr.com]

Compartilhe: [Twitter] [Facebook] [Comentar]

Curso de PABX IP Asterisk (100% Online Ao Vivo) - Última Semana com preço especial

Tags: curso

Enviado por LYTUX (contatoΘlytux·com·br):

“A LYTUX abre as inscrições para o Curso de Asterisk Básico Online 100% ao Vivo com preço especial de R$500,00 para alunos que fecharem até a data de 08/08/2014 (Desconto prorrogado).

Aproveitem esta promoção.

O início do Curso de Asterisk esta previsto para 11/08/2014.

Obs.: Curso em Asterisk Puro.

Inscrições através do telefone (11) 4063-7494, por email contato@lytux.com.br ou pelo site clicando aqui” [referência: lytux.com.br]

Compartilhe: [Twitter] [Facebook] [Comentar]

Vídeo: Animação em português apresenta o LibreOffice

Tags: office, video, comunidade

Enviado por Eliane Domingos de Sousa (elianedomingosΘdocumentfoundation·org):

“A Comunidade LibreOffice Brasil fez uma parceria com a empresa Ricolândia, sediada no Rio de Janeiro e desta parceria foi produzida uma animação sobre o LibreOffice. A animação teve o seu lançamento no Ciclo de Palestras Software Livre do SINDPD-RJ na segunda-feira (28/07/2014) e foi todo criado com ferramentas de código aberto.

A Comunidade LibreOffice Brasil agradece imensamente ao produtor da animação, Ricardo Graça que nos contemplou com este belíssimo trabalho.

Veja aqui o video: [vimeo.com/…], [youtu.be/…].” [referência: blog.pt-br.libreoffice.org]

Compartilhe: [Twitter] [Facebook] [Comentar]

openSUSE Factory se torna "rolling release" e pode eliminar versões alfa e beta do openSUSE

Tags: distribuicoes

Enviado por Cleiton Lima (espaco_liberdadeΘyahoo·com·br):

“A versão instável do openSUSE, a famosa Factory, vai se tornar uma distro Rolling Release, como o Arch Linux por exemplo. O anúncio foi feito hoje no blog de notícias da distribuição.

O modelo que será utilizado no openSUSE Factory é uma mistura do que é visto no Arch e no Debian Sid. Os usuários da distro receberão pelos repositórios oficiais as últimas versões dos softwares. Em determinado ponto, os pacotes dessa versão se tornarão a base da versão "tradicional" do openSUSE. A expectativa é que a nova distro elimine a necessidade de versões alfa e beta.

Apesar de receber as novidades antes, isso não quer dizer que os pacotes que chegarem aos repositórios não serão testados. De acordo com o modelo de desenvolvimento, os pacotes passarão por duas rodadas de testes no openQA (framework de testes para softwares) e pela liberação dos mantenedores da distro antes de chegarem aos repositórios.

Se tudo ocorrer conforme o esperado, o openSUSE Factory deve agilizar o lançamento das versões tradicionais da distro e ao mesmo tempo ser uma opção para aqueles usuários que desejam ter sempre as versões mais recentes dos seus softwares em sua máquina.” [referência: espacoliberdade.blog.br]

Compartilhe: [Twitter] [Facebook] [Comentar]

Campo Grande-MS: novas Turmas de SysAdmin, Segurança de Servidores, Desenvolvedor PHP

Tags: curso, desenvolvedores

Enviado por Ana Pissin (ana·pissinΘmilenium·inf·br):

“A Milenium Informática, pioneira em Linux no estado de Mato Grosso do Sul, está com turmas abertas para as formações: Desenvolvedor Web - PHP, turmas com início em 09/08 e 11/08 e de Administrador de Sistemas Linux, início 02/09/14. Bem como o curso de Segurança: Servidor Firewall e Proxy com Linux, início 06/09. Invista em sua carreira e seja um profissional disputado. Mais informações: 67 3342-2115 ou nos chame no chat no nosso site.” [referência: milenium.inf.br ]
Compartilhe: [Twitter] [Facebook] [Comentar]

Livro que ensina a desenvolver aplicações web do zero é lançado pela Novatec Editora

Tags: curso, desenvolvedores, servidor

Enviado por Stephanie Milate (smilateΘnovatec·com·br):

“Título escrito por engenheiro de software da Netflix é indicado para estudantes e profissionais iniciantes no desenvolvimento de aplicações.

Para suprir a necessidade de profundo entendimento sobre a teoria e a prática dos desenvolvedores de aplicações web, o livro Aprendendo a desenvolver aplicações web, lançado pela Novatec Editora, é um guia prático completo que ensina os fundamentos do desenvolvimento com uma aplicação simples a partir do zero baseada em banco de dados, utilizando HTML, JavaScript e outras ferramentas de código aberto.

Por meio de tutoriais, o livro mostra como criar uma interface de usuário, implementar um servidor, desenvolver uma comunicação cliente-servidor e usar um serviço baseado em nuvem para implantar a aplicação aos desenvolvedores inexperientes de aplicações web.

Todos os capítulos contêm problemas práticos, exemplos completos e modelos mentais do fluxo de trabalho do desenvolvimento. Os leitores aprenderão a estruturar uma interface de usuário com HTML, incluir estilos usando CSS, acrescentar interatividade à aplicação com jQuery e JavaScript, fazer a ligação entre cliente e servidor por meio de AJAX e JSON, armazenar dados de fora usando Redis e MongoDB e todo o conhecimento necessário para dar início ao desenvolvimento de aplicações web.” [referência: novatec.com.br]

Compartilhe: [Twitter] [Facebook] [Comentar]

Novo episódio do podcast Piratas da Internet no ar - tema: bitcoin

Tags: comunidade

Enviado por Fabio Rodriguez (fabio·rodriguezΘgmail·com):

“O podcast Piratas da Internet nasceu com a ideia de divulgar e se aprofundar um pouco em alguns aspectos do Linux e tecnologias open source.

Graças ao grande apoio que recebemos em nosso episódio piloto, rapidamente nos mobilizamos para gravar mais conteúdo para a comunidade.

Enfim, lançamos o primeiro programa em caráter oficial, desta vez tratando de um assunto que ainda gera muitas dúvidas em diversas pessoas: o Bitcoin. Para saber um pouco mais sobre como funciona essa moeda, seu mercado, aderência, cotação e o legado que pode deixar, não deixe de nos ouvir.” [referência: piratasdainternet.com.br]

Compartilhe: [Twitter] [Facebook] [Comentar]

Como montar partições automaticamente na inicialização do Ubuntu 14.04, sem editar o fstab

Tags: distribuicoes

Enviado por Edivaldo Brito (edivaldobezerraΘgmail·com):

“Se você precisa montar partições automaticamente na inicialização do Ubuntu, aprenda fazer isso de um jeito bem simples.

Embora o Ubuntu atualmente monte a maioria das partições, nem sempre isso acontece. Nessa hora, é preciso ajustar o sistema e este rápido tutorial irá lhe mostrar como fazer montar partições automaticamente na inicialização do Ubuntu. O processo a seguir, feita a configuração inversa, também serve para desativar a inicialização automática de partições.

Lembrando que apesar de existir a opção de editar o arquivo fstab, esse procedimento é voltado para quem quer justamente evitar isso.” [referência: edivaldobrito.com.br]

Compartilhe: [Twitter] [Facebook] [Comentar]